Payback – Como calcular o tempo que um investimento se paga?

payback-como-calcular-o-tempo-que-um-investimento-se-paga

Entenda como realizar o cálculo do Payback dos investimentos da sua indústria!

A melhor proteção que a sua indústria pode ter contra os caros imprevistos da pandemia é o planejamento – e saber bem o payback dos seus investimentos é um recurso poderoso!

Embora já tenham se passado alguns meses desde o início desta pandemia, são poucas as empresas que conseguem afirmar uma segurança financeira aos imprevistos do mercado atual.

Sendo assim, justamente por termos ciência de que é preciso “jogar com todas as peças do tabuleiro” no momento atual, iremos abordar, no artigo de hoje, uma métrica que pode evitar más decisões financeiras ao seu negócio…

Estamos falando do payback!

Mas, antes de nos aprofundarmos no tema…

O que é payback?

Portanto, para esclarecer o termo, payback – ou “retorno”, se fossemos traduzi-lo – é um indicador financeiro que tem como objetivo prever o tempo de pagamento para um investimento, ou seja, a partir de quanto tempo o gasto realmente se tornará um investimento.

A lógica por trás dessa métrica é que ela deve ser a mínima possível, isto é, enquanto menos tempo um investimento começar a trazer retorno ou, então, parar de trazer gastos, melhor será o seu payback.

Contudo, para que fique mais clara a sua utilidade, vamos dar alguns exemplos da aplicação do payback na sua indústria…

Para que se aplica o payback em sua indústria?

Bom, vamos supor que você realizou a aquisição de uma nova máquina para a sua produção.

O custo de aquisição dessa máquina deve ser incluído em suas projeções para que não falte dinheiro em caixa futuramente, contudo, ele não pode se estender por muito tempo – ou, pelo menos, não pode se estender com um grande valor por muito tempo -, pois isso reduz o seu capital de giro – que tem se tornado precioso durante a pandemia.

Sendo assim, sua melhor alternativa é realmente entender em quanto tempo esse investimento irá se pagar, assim, dentre as opções de compra ou de pagamento, você escolhe a mais benéfica ao seu negócio – te livrando de uma saia justa por não possuir capital de giro.

Contudo, acredito que a esse ponto, você já deva estar se perguntando:

“Ok, mas como eu faço o cálculo do payback?”

E é exatamente isso que iremos te responder agora…

Como realizar o cálculo do payback?

Portanto, vista a definição e a utilidade do payback para o seu negócio, vamos entender como ele pode ser calculado dentro da sua indústria.

Cálculo Simples

O cálculo do payback simples é feito sem considerar os juros descontados dos períodos apurados, sendo assim, são consideradas apenas as movimentações do seu fluxo de caixa.

Desse modo, trabalhando com um fluxo de caixa projetado, são necessárias as médias dos saldos do seu fluxo de caixa dos próximos meses e o valor do investimento inicial, formando a seguinte fórmula:

Payback = investimento inicial / média do saldo do fluxo de caixa

Cálculo Descontado

Agora, no caso do cálculo descontado, é necessário avaliar, também, os juros que incidem ao mês ou ao ano durante a sua apuração, desse modo, o que muda é que, primeiro, você terá que atualizar o fluxo de caixa com as projeções dos períodos de apuração para, depois, fazer o cálculo, sendo a mesma fórmula da apuração simples:

Saldo Descontado = saldo do fluxo de caixa * juros

Média Descontada = Σ Saldo Descontado / número de saldos

Payback Descontado = investimento inicial / Média Descontada

Portanto, para ter a previsão e segurança financeira necessárias, conte com um escritório contábil parceiro

Portanto, não perca mais tempo nem corra mais riscos!

Conte conosco para te ajudar a ter o controle sobre o payback dos seus investimentos, do seu fluxo de caixa e demais questões contábeis e fiscais pertinentes à sua indústria

Mais posts similares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fill out this field
Fill out this field
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu
Recomendado
Você já viu a sua indústria passar por absolutamente todas…
Open chat